domingo, 29 de setembro de 2013

quarta-feira, 14 de agosto de 2013

Como aproveitar ao máximo as aulas:

Noções para que se possa tirar o máximo de proveito
possível do blog pedromatemática:
a) é imprescindível que se assista a todas as aulas listadas, pois só assim você terá plena condição de entender os raciocínios utilizados na matemática, raciocínios bem mais complexos;
b) não pule aulas! Assista todas as aulas para que você tenha certeza que domina todos os conceitos;
c) assistiu uma aula, corre e vai fazer os exercícios;
d) assista mais de uma aula por dia, principalmente as aulas mais simples, onde o raciocínio é mais simples e onde é possível você fazer várias aulas por dia.



Como aproveitar ao máximo as aulas:
a) você deve usar sempre uma caneta e papel. Assistir as aulas sem caneta e papel vai te dar uma falsa sensação de que você entendeu o assunto, mas muitas vezes este entendimento é superficial, você só vai ter certeza, só vai ver as suas dificuldades, quando você colocar a mão na massa.
b) Anote tudo o que for mais importante. O curso de matemática, ao contrário dos outros vídeos não é só para você ficar olhando. O seu sucesso neste curso vai depender diretamente do seu empenho.
“a preguiça é a mãe do fracasso” Não pode ter preguiça nessas horas.
c) Ao longo das aulas você terá vários exercícios propostos. Tente fazer os exercícios propostos antes do professor pois isto vai te dar auto-confiança, vai apontar os exatos pontos onde você está tendo dificuldade e muitas vezes quando você vê um exercício resolvido, dá a falsa sensação de que você já sabe fazer, então sempre antecipe-se ao professor, pause o vídeo e aí você faz. É melhor errar com o professor do que errar a hora da sua prova.

Quando você estiver mais treinado é necessário que você adquira duas qualidades ao longo das aulas: que você se torne mais rápido e mais preciso. Você vai errar em um monte de contas por distração e vai fazer muitas contas de maneira mais lenta por falta de prática. Ao longo das aulas isso tem que mudar radicalmente, você tem que se tornar uma pessoa bem mais rápida e bem mais precisa. “um serviço bem feito pode ser feito bem mais rápido do que um serviço mal feito.

Síndrome da calculadora: o aluno é viciado em calculadora. Não utilize calculadora pensando em ganhar tempo, pois ao chegar na prova você apresentará uma extrema falta de confiança.
Síndrome do gabarito: Não faça uma questão e olhe no gabarito, pois isto aumenta muito a sua insegurança. Caso você tenha dez questões para fazer, faça todas as dez e no final das dez olha o gabarito das dez.

Não menospreze exercício fácil. Você tem que ser preciso e ágil e uma das formas é resolvendo exercícios fáceis, que as pessoas evitam fazer e partem logo para os difíceis. Exercícios simples são essenciais para que você possa praticar.

Quantas horas de estudo você deve ter por dia? Não dá para dizer que duas horas é melhor do que quatro ou vice versa. O que é importante é trabalhar com uma média. Em média uma quantidade maior de horas tende a ser mais produtiva do que uma quantidade menor de horas. A quantidade de horas dos alunos melhores é por volta de cinco horas de maneira séria. Não adianta nada você fazer este tempo agregado a outras atividades improdutivas (duas horas das cinco no vídeo game);

As horas de estudo não podem ser interruptas entre espaços de relaxamento desde que você não fique extremamente estressado.

quinta-feira, 30 de agosto de 2012